quinta-feira, março 08, 2007

O 8 de Março de 2004 na Rua Lopes de Mendonça

No dia 8 de Março de 2004, faz hoje 3 anos, embora o Presidente da Junta de Freguesia do Pragal e o Cte da PSP de Almada, nos tivessem vindo dizer, cerca das 14h 30m, que as obras na rua tinham sido mandadas parar, apareceram "nas suas barbas" a retroescavadora e o pesado carro de carga, da 2ª foto, para iniciarem a destruição da R. Lopes de Mendonça. Eram as tais obras que a CMA dizia serem ilegais mas prosseguiriam se não nos tivessemos manifestado.
Como poderiamos nós acreditar no que nos estavam dizendo, uma vez que estava a chegar material pesado para esventrar a rua?

Presença de alguns dos moradores que vieram para a rua quando a RTP veio fazer uma reportagem, na manhã de 9MARÇO2004, sobre o que se estava passando na nossa Rua. Por motivos óbvios os rostos dos moradores foram tapados. Há que não confiar nas apregoadas liberdades de alguns ditos democratas.

Almada é ainda uma cidade de medos, embora a outra "Pide" tenha sido extinta!

5 comentários:

rouxinol disse...

Que grande exemplo de cidadania, dignidade e tenacidade estes moradores da rua Lopes de Mendonça em Almada deram e estão dando do que deve ser a participação das pessoas, dos munícipes, na defesa dos seus direitos e da vida colectiva da sua cidade.
Com gente assim afugentavam-se os políticos e autarcas incompetentes.
PARABÉNS pessoal da Lopes de Mendonça, Almada.

Repórter disse...

Se o rosto dos moradores foram tapados (atitude discutível - quem não deve não teme) talvez fosse bom dizer que o senhor com pouco cabelo e muito bigode é o Presidente da Junta de Freguesia Do Pragal, Carlos Mourinho.

residente disse...

Os rostos foram tapados como forma de denúncia de uma situação que se vive em Almada, onde quem não está ou é da situação, é considerado "inimigo" dos que estão na autarquia e que dizem estar a fazer o melhor por Almada.
Sempre demos a cara, no Forum dito de participação do MST, nas Assembleias Municipais onde fizemos intervenções, na rua, onde quer que seja. Eles sabem quem nós somos.Nas sessões do Forum fomos várias vezes insultados, "vão trabalhar", "vão mas é para as obras" " estão para aí a falar e se calhar não são de Almada", apelidados veladamente de "mal educados" pela própria presidente em assembleia municipal e depois na acta escrita aparece : falha de gravação ou interrupção da gravação... .
Fomos também apelidados pelo presidente da AM de "intelectualmente desonestos" e enfermando de debilidade intelectual...débeis... .
Os rostos tapados não é por medo ou por não querer dar a cara. Eles sabem quem nós somos.
Tapar os rostos foi uma forma de protesto para dizer com imagens que aqui em Almada alguns que se dizem demcratas não toleram a diferença de ideias e de ideais. acham que eles estão sempre certos, no lugar certo, que fazem tudo certo. Consideram-nos "mercadoria" "elemento servil". Bons munícipes para eles são os que lhes dizem Amen, os que abanam a cabeça. como o cachorro Pluto faz ao dono.
Nós damos o rosto mas em Almada há muita gente que tem medo de dar o rosto e eu sei que têm razão para para assim proceder.Infelizmente!

Repórter disse...

Não quis, com a minha observação, ofender alguém.
Compreendo o que fizeram e porquê.
Aliás, como refere o residente, quem fala nas assembleias e afins, não o faz de cara tapada.
Claro que não.
Que fique bem claro que não pretendi nem pretendo denegrir quem luta por uma causa digna.

residente disse...

Longe disso. Deu-me oportunidade de dizer mais alguma coisa sobre o assunto e revelar o sentido de ter decapitado os moradores que aparecem nas fotos.