terça-feira, maio 22, 2007

Estudo das Alternativas ao Triângulo da Ramalha X

- METRO SUL DO TEJO (MST) -
Triângulo da Ramalha
Alternativas
Relatório da Discussão Pública
(continuação de IX)
SUMÁRIO deste Post: Discussão Pública / Intervenções
Após a anterior divulgação da “Apresentação dos critérios de análise às 5 Soluções, que servirão (serviram) de base para a tomada de decisão da solução de implementação”, divulgamos hoje, a constituição da Mesa responsável (mais uma vez) pela apresentação do Estudo e o Relatório da Discussão Pública organizada, tal como exigia o Instituto do Ambiente ( informação de Engª Isabel Rosmaninho) - exibiremos documento com esta informação. Chamamos a atenção dos visitantes deste blog e leitores destes “Posts” para as respostas da Mesa aos intervenientes e a curiosa intervenção do Sr. José Manuel Maia (Presidente da Assembleia Municipal de Almada), reclamando da urgência de uma decisão, por parte do Governo, lembrando a Mesa para a Deliberação da Assembleia Municipal (de 10MAR2004), onde a AM exigia (ao Governo), alinea g do ponto1 : “a fixação do novo traçado no chamado “Triângulo da Ramalha”, encerrando o dossier após explicação técnica fundamentada à população, permitindo desta forma a elaboração do projecto de execução.”
É também de notar a intervenção do Vereador Hernâni Magalhães, criticando a falta de análise do custo/benefício, o qual como os visitantes e leitores deste blog sabem pelos documentos aqui apresentados, está clarificada, quando se concluiu que a Solução 5, a vencedora no Estudo e aprovada, era a de menor impacte ambiental, de menor prejuízo para os moradores e de menores custos.
(clique sobre os documentos para aumentar e ler)
Folha 1
Folhas 2 ; 3 Folhas 3 ; 4
O Governo decidiu como todos sabem em 22JUL2005 por Despacho da Secretária de Estado dos Transportes, optando pela Solução 5. È lamentável que o Sr. José Manuel Maia, não tenha memória suficiente para se lembrar agora da Deliberação de 10MAR2004 da AM e, para vir defender a honra e dignidade da decisão da própria AM, da qual é Presidente. Se o Sr. José Manuel Maia não se lembra da Deliberação da AM de 10MAR2004, está certamente a faltar ao respeito aos Deputados Municipais e à população almadense, uma vez que daquela "Apresentação Pública" saiu uma “tomada de decisão da solução de implementação” pela Secretária de Estado dos Transportes que foi de encontro àquilo que a AM exigiu ao Governo! Será que o Sr. José Manuel Maia e a Presidente da CMA estavam à espera que o Governo optasse pela Solução 2 – a da CMA?

8 comentários:

moisés disse...

Política, meus caros, política.

rouxinol disse...

Despersonalização e falta de vergonha são apanágio de muito "boa" gente, quando lhes é dada oportunidades ou lhes permitem.

Minda disse...

E não existe ninguém que consiga por cobro a isto? Todos calam e são coniventes, porquê?
A tutela não é capaz de enviar uma inpecção para verificar o cumprimento das deliberações da AM?
Os deputados municipais da oposição não apresentam denúncia às entidades competentes porquê?
Afinal para que serve discutir e aprovar seja o que for naquele órgão deliberativo se, depois, passa impune o desrespeito pelas suas tomadas de posição?
E para que serve o Governo se nem sequer é capaz de fazer cumprir aquilo que decide? É caso para dizer: viva a anarquia!?!
Se não forem os cidadãos a estarem atentos não sei onde isto vai parar, não.
Consegue este blog ter mais informação relevante sobre o MST do que os sites oficiais (da concessionária e da CMA), porque será?
Política? Não politiquice, isso sim.
Continuem. Parabéns.

Anónimo disse...

As declarações do Ministro das Obras Públicas sobre a localização do novo aeroporto fazem-nos pensar que que tal como o presidente da assembleia municipal de Almada, há gente na política que deveria ter ética quando fala.

moisés disse...

A Minda tocou num ponto importante: porque será que o "site" do MTS não tem informação credível? O mesmo acontece com o da CMA (sobre o assunto) e o do MST.

EMALMADA disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
residente disse...

Mas alguma vez interessou à câmara e à sua presidente informar condignamente os cidadãos?
Quem já assistiu aos "Fórum MST" sabe como é.
A CMA é especialista em surpreender os cidadãos porque como faz sempre o melhor, não é preciso informar bem. É deus.
Depois, trabalhar no escuro esconde muita coisa.É mais satisfatório para estes autarcas.
Cidadão que opina e critica é do contra e está contra o progresso.
Basta olhar na cara os autrcas e vê-se estampado no seu rosto o "progresso". Basta ouvir as lengalengas da presidente e vê-se nelas o "progresso".
Para cidadão é suficiente pensar um pouco e olhar para Almada para ver o atraso existente.

moisés disse...

"Quem não é por mim é contra mim"

Onde é que eu já ouvi isto?